Bárbaros metem fogo aos chifres de um touro antes de matá-lo.

Todos os detalhes no interior.

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

As imagens filmadas de um ritual praticado na Espanha escandalizaram muitos internautas e ativistas de defesa de animais.

A cena pode ser muito perturbadora para aqueles que não estão familiarizados com tal ritual.

Primeiro vemos um touro que é trazido para uma arena, então os homens instalam nos seus chifres um dispositivo de metal que põe a arder depois disso.

Uma vez que os chifres do animal estão a arder, a corda que o segura é retirada, e o animal começa a correr em pânico na arena.

Enquanto o animal está visivelmente em perigo e em pânico, dezenas de curiosos, incluindo crianças, divertem-se a tentar tocá-lo e puxar a sua cauda.

Depois, o animal é colocado numa gaiola onde é executado.

Segundo ativistas dos grupos "Animal Guardians" e "Torture Is Not Culture", este ritual "touro em chamas" acontece em La Vall d'Uixó, no leste da Espanha.

Veterinários relataram que a queima de chifres de um touro provoca um nível sem precedentes de pânico no animal, além de causar dor severa devido a queimaduras na cabeça.

José Enrique Zaldívar, presidente do AVATMA, um grupo de veterinários, denuncia fortemente tal prática explicando que esse ritual é de crueldade desumana.

Segundo Zaldivar, o pesadelo do touro não pára depois que as chamas se extinguem, porque o animal entra num estado de intenso stresse. Além disso, os touros escolhidos para este ritual nunca se encontrarão de novo numa arena e, infelizmente, são condenados mais tarde a terminar a sua jornada no matadouro.

Vamos torcer para que esta prática pare dentro de pouco tempo!

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Fonte: Ayoye · Crédito foto: Ayoye