Após a semifinal do Festival da Eurovisão, Catarina Furtado é fortemente criticada

“Ainda a conseguimos despedir até à final?”

Partilhar no Facebook
263 263 Partilhas

Após a semifinal do Festival da Eurovisão, Catarina Furtado é fortemente criticada

Na terça-feira dia 8 de Maio, ocorreu a primeira semi-final do Festival da Eurovisão em Lisboa, no Altice Arena. Para a apresentação deste grande evento foram escolhidas quatro anfitriãs Sílvia Alberto, Filomena Cautela, Daniela Ruah e por fim Catarina Furtado.
No entanto as criticas surgem para a apresentadora Catarina Furtado já que recebeu vários comentários negativos devido ao seu nível de inglês.

Estes foram alguns dos comentários negativos:

"a Catarina furtado a falar inglês é a definição de trágico ai what the hell", "Este inglês da Catarina Furtado dá-me uma coisinha má aqui no peito", "Opá, não consigo com a Catarina Furtado... Se não se sente confortável com o inglês não percebo porque insistiram nisto", "Catarina Furtado a falar inglês", "Filomena Cautela: "I saw it! You were cheating!"

Catarina Furtado responde com um Inglesíssimo "NÃO!". "

Outros artigos relacionados com Catarina Furtado:

Catarina Furtado partilha fotos em biquíni e é fortemente criticada.

Catarina Furtado de 45 anos é uma mulher de causas e por isso tudo o que partilha nas suas redes sociais tem uma razão de ser. É este modo de vida que a mantê ativa, realizada e feliz, ela é uma lutadora  pela igualdade de género.

Catarina Furtado é uma figura pública que sempre teve muito cuidado com as publicações que faz nas redes sociais, mas ultimamente tem partilhado algumas fotografias em biquíni. 

Se por um lado tem inúmeros elogios quanto à sua forma física e à sua sensualidade, também tem sofrido algumas críticas pelo "arrojo" da apresentadora em mostrar-se de biquíni aos 45 anos.

A apresentadora da RTP esclareceu pela 1º- vez porque partilha esta fotografias mais sensuais:

Em exclusivo à 'TV Guia', a apresentadora da RTP justifica que todas as imagens do seu corpo que tem partilhado carregam uma mensagem.

 "Quero explicar o porque de lá estarem. Tenho uma coerência muito grande naquilo que faço. Trabalho voluntariamente com as Nações Unidas, há 18 anos, nas áreas da igualdade de género e não descriminalização. Obviamente, se há coisa que tenho  como muito clara é uma enorme desigualdade com base no género que há no mundo inteiro."

O objectivo de Catarina Furtado é desmistificar essa desigualdade, mas esclarece que as fotografias não são partilhadas de uma forma vulgar:

"Nas minhas redes sociais, não há nada ordinário, é tudo feito com elegância. É apenas uma mensagem que quero passar". 

Partilhar no Facebook
263 263 Partilhas