Notícias : Com 17 anos, ela já é mãe de sete filhos. Mas, os pais não os querem reconhecer...
Que acha? Deixe o seu comentário aqui.  

Com 17 anos, ela já é mãe de sete filhos. Mas, os pais não os querem reconhecer...

Resultado de imprudência e irresponsabilidade.

Publicado por Vamos lá Portugal em Notícias
Partilhar no Facebook
118 118 Partilhas

Embora muitas mulheres cheguem a um momento da vida em que elas chamam de maternidade, isso nem sempre acontece na hora mais feliz da vida, ou quando estão prontas. De fato, costuma-se dizer que quanto mais delicada a situação económica ou social, maior o risco de que um novo membro venha para a família. Mas quando isso acontece com um menor, o problema aumenta consideravelmente. Especialmente se o bebé não vier sozinho para este mundo ou se o fizer com muito mais irmãos do que você esperaria. O caso diante de nós está perto de bater um recorde.

A sociedade reage de formas muito distintas às mães jovens. Alguns, olham para estas raparigas com desprezo, sem se importar com o futuro delas, e depois de as engravidarem e satisfazerem as suas necessidades não aparecem mais. Outros, acreditam que negar os acontecimentos e a vergonha não faz sentido, e ajudam as pobres raparigas que estão numa situação de vida difícil.

No entanto, são poucas as mães jovens que se podem “gabar” de uma proeza como a de Pamela Villaruelle, residente da cidade de Leones, na Argentina. 

Com 17 anos de idade, esta jovem já está a tomar conta de imensos bebés. Ela deu à luz não a um, não a dois, mas sim a sete filhos: um rapaz e seis raparigas. Infelizmente, os pais dos filhos de Pamela não mantiveram qualquer ligação com ela e com os seus filhos. 

A adolescente deu à luz ao seu primeiro filho quando tinha 14 anos. Uma relação turbulenta deixou Pamela com uma filha nos braços, antes do insensível do pai desaparecer como se de um truque de magia se tratasse. Na “novela” seguinte, Pamela deu à luz a dois pares de gémeos, um atrás do outro. No entanto, este segundo pai, pensando que a sua mulher nunca mais o iria deixar agora, começou a fazer-lhe promessas a torto e a direito. 

Depois desta, Pamela voltou a encontrar o mesmo problema noutra relação. É difícil imaginar o que ela sentiu quando ficou a saber que estava novamente grávida... de gémeos! Infelizmente, o terceiro pai também decidiu desaparecer, mal soube da notícia.

Hoje, são os pais de Pamela que a ajudam a cuidar dos filhos. É bom saber que as autoridades locais não deixaram a jovem mãe de tantos filhos desamparada. Foi-lhe atribuída uma casa grande, para uma família grande, com pouco de terreno também.

A mãe de 17 anos trabalha muito para alimentar os seus filhos, para não depender completamente da ajuda dos seus pais. Ela não tira férias pessoas e trabalha sem descanso para conseguir proporcionar aos seus filhos um futuro brilhante.

Por sorte, e ao contrário dos pais das crianças, há muita gente que apoia Pamela. Muitos escrevem-lhe cartas de apoio e contribuem com pequenas doações. No entanto, há muitas outras pessoas que pensam, e talvez com alguma razão, que Pamela foi vítima da sua própria ingenuidade e negligência. 

Na minha opinião, se continuar a este ritmo, a família de Pamela voltará a crescer dentro de pouco tempo, pelo que necessitará uma casa ainda maior. De qualquer forma, desejo-lhe e aos seus filhos a maior sorte do mundo e muita saúde e felicidade...

Qual é a sua opinião sobre a história desta adolescente, mãe de tantos filhos em tão pouco tempo? Deixa-nos uma mensagem nos comentários, e partilha a história com os teus amigos nas redes sociais.

Partilhar no Facebook
118 118 Partilhas

Fonte: Qué pasada
Crêdito foto: Qué pasada

Goste/partilhe