Esta bebé nasceu 12 semanas mais cedo do que era suposto e, contra todas as expetativas, conseguiu sobreviver. Veja como está hoje em dia.

Os seus órgãos estavam subdesenvolvidos e os médicos não acreditavam que ela iria sobreviver.

Partilhar no Facebook
349 349 Partilhas

Os seus órgãos estavam subdesenvolvidos e os médicos duvidavam que sobrevivesse.

Manushi nasceu 12 semanas mais cedo do que era suposto e ela pesava menos de meio quilo quando nasceu (cerca de 400 gramas). O peso de meio litro de leite!

Ela nasceu tão minúscula que os seus pés não eram maiores do que uma unha! E ela media cerca de 21 centímetros!

O seu tamanho fora do comum inquietava os médicos. Os seus órgãos estavam subdesenvolvidos e os médicos duvidavam que ela sobrevivesse sem sequelas. Segundo eles, ela tinha cerca de 0.5% de probabilidade de sobreviver sem danos no cérebro.

Esta pequena bebéde Rajastha, na Índia, é a bebé mais pequena do mundo nascida na Ásia. 

O nascimento de Manushi foi induzido quando a mãe, Seeta de 48 anos, desenvolveu uma pressão sanguínea perigosa para a sua própria vida, o que deixou o feto sem receber sangue. 

Portanto, Manushi nasceu com 28 semanas, no passado dia 15. Ela tinha dificuldade em respirar e não podia ser alimentada pelo seio da mãe por ser pequena de mais. 

Os médicos tiveram então que lhe injectar nutrientes no seu sistema directamente. Depois de 7 semanas, ela pôde finalmente começar a beber leite.

Normalmente, todos os tratamentos iriam custar imenso à família, mas o Dr. SunilJanged e o centro hospitalar decidiram reduzir consideravelmente os custos para enviar uma mensagem à comunidade.

“Num Estado como o Rajasthan onde o infanticídio é um problema, as pessoas têm que se manifestar e tomar medidas para pôr um fim a esta prática nefasta”, explicou.

Depois de 6 meses, Manushi pôde sair do hospital. Ela pesava pouco mais de 2kg.

Partilhar no Facebook
349 349 Partilhas

Fonte: ayoye · Crédito foto: ayoye