Grávida agredida a soco e pontapé pelo companheiro em Alverca já deu à luz

Mulher foi agredida a soco e pontapé, em Vila Franca de Xira. Agressor ficou em liberdade.

Partilhar no Facebook
568 568 Partilhas

A mulher grávida de nove meses que foi agredida pelo companheiro, esta terça-feira, na rua das Palmeiras, em Alverca, Vila Franca de Xira, já deu à luz ao seu bebé, um menino.

O menino nasceu esta quinta-feira à noite, no hospital de Vila Franca de Xira.

Devido a deslocamento da placenta que já tinha sido detetado, o parto foi antecipado para esta quinta-feira à noite.

Este foi o segundo filho do casal. 

Outras notícias sobre este caso:

Homem que agrediu e pôs a mulher grávida no hospital fica em liberdade

O homem que foi preso por espancar a mulher, de 32 anos, grávida de 9 meses, fica para já em liberdade. 

O agente do Corpo de Intervenção da PSP, de 34 anos, Pedro Luz, foi o responsável pela detenção do homem de 28 anos, que está proibido de voltar a casa e de entrar em contacto com a companheira.

O agente encontrava-se de folga, ia a passar por uma rua de Alverca, Vila Franca de Xira, quando assistiu ao brutal espancamento e decidiu intervir.

O agressor reagiu, causando danos no carro de Pedro Luz, e rasgando-lhe a roupa.

O agente imobilizou o homem com um golpe que o fez perder os sentidos e este acabou por ser detido.

Indivíduo detido por espancar a mulher grávida de nove meses

Um indivíduo foi apanhado em flagrante esta terça-feira por um agente da PSP que estava de folga. 

Ele foi a apanhado a agredir a soco e a pontapé a mulher grávida de 9 meses.

De acordo como o Correio da Manhã o crime terá ocorrido por volta da 13h, na rua das Palmeiras, em Vila Franca de Xira. 

O agente que estava de folga e pertence ao corpo de intervenção da Unidade Especial de Polícia (UEP), passava por acaso naquela rua, assistindo a toda a manifestação de violência gratuíta. Ele procedeu imediatamente à detenção do agressor.

O homem nãoo terá gostado e reagiu agressivamente também em relação ao agente. Além de pontapear o carro da polícia e lhe ter causado danos, ele também agrediu o agente da UEP, rasgando-lhe a roupa no processo.

A vítima que disse à PSP que era agredida com frequência, foi por sua vez foi transportada em estado grave para um hospital local.

A detenção do agressor acabou por ser  consumada na esquadra da PSP de Alverca. 

O suspeito vai ser presente a um juiz de instrução criminal, em Vila Franca de Xira, para primeiro interrogatório judicial e aplicação de medidas de coação.

Partilhar no Facebook
568 568 Partilhas

Fonte: CM · Crédito foto: CM