Notícias : Jovem de 18 anos tortura o irmão de 5 e come-lhe o pénis

Jovem de 18 anos tortura o irmão de 5 e come-lhe o pénis

Todos os detalhes no interior.

Publicado por Vamos lá Portugal em Notícias
Partilhar no Facebook
829 829 Partilhas

Esta é uma história completamente surreal que acabou de acontecer no Brasil, onde uma adolescente perdeu o juízo e resolveu matar o seu irmão mais novo de 5 anos antes de lhw comer o pénis, tudo parte de um ritual satânico.

Foi o The Mirror que relatou esta notícia que lhe pode dar arrepios, já que é uma história completamente fora do comum, digna dos maiores filmes de terror. De fato, no Brasil, na cidade de São Paulo, Karina Roque, uma mulher de 18 anos, matou o irmão de 5 anos, Maycon Roque, e comeu partes do seu corpo, inclusive o pénis. Ela teria-o torturado e decapitado. Este ato extremo de violência fazia parte de um ritual satânico, já que o corpo do menino estava no chão, cercado por velas.

Além disso, foi a mãe de Maycon e de Karina que encontrou o corpo do menino, diz o Mirror. Ela tinha saído para fazer compras antes de ver o terrível drama. Ela diz ter encontrado o corpo do filho dividido em várias partes. Deve-se dizer que Karina não teve meias medidas: ela arrancou os olhos de Maycon, queimou os seus pés e cortou-lhe os pulsos. Estes detalhes simples mostram o quanto o menino sofreu antes de morrer. A isto chama-se tortura.

O mais repugnante nesta história aconteceu durante o interrogatório de Karina, relata o Mirror. De fato, a jovem disse à polícia que tinha cortado os genitais do irmão e que os tinha comido. Difícil saber o que a tornou louca assassina e a levou a praticar canibalismo.

A polícia está a investigar e analisará notavelmente o conteúdo do seu telemóvel para tentar encontrar possíveis soluções, diz o Mirror. O uso de uma droga que a tornaria completamente incontrolável seria uma hipótese, o pequeno Maycon foi enterrado na sexta-feira e Karina está detida.

Partilhar no Facebook
829 829 Partilhas

Fonte: Ayoye
Crêdito foto: Ayoye

Goste/partilhe