Jovem espanhol de 26 anos mata a mãe e come-a com a ajuda do cão

Suspeito foi detido em Madrid e já confessou os crimes cometidos.

Partilhar no Facebook
1,441 1.4k Partilhas

A Polícia Nacional espanhola prendeu em Madrid um homem como suposto autor da morte da sua mãe, 49 anos, que supostamente mutilou e posteriormente comeu com a ajuda do seu cão.

O homem, um homem de 26 anos, foi preso ontem na casa onde o corpo foi encontrado, depois de um amigo da vítima ter apresentado uma queixa dizendo que não via a mulher há mais de um mês.

Depois da queixa, os policías deslocaram-se até a casa da vítima, localizada no número 50 da rua Francisco Navacerrada, em Salamanca, e quando entraram encontraram o corpo esquartejado da mulher. As autoridades encontraram os restos mortais da mulher guardados em tupperware's. 

O jovem acabou por admitir que praticava canibalismo e que já tinha comido restos da mãe juntamente com o seu cão. 

Segundo as mesmas fontes, dentro da casa estava o filho, que foi preso pelos agentes como suposto agressor.

Neste mesmo mês, outro homem foi preso na cidade de Alcalá de Henares, em Madrid, como o suposto autor da morte de uma menina de 22 anos, que também foi massacrada após ser esfaqueada pelas costas.

O corpo foi encontrado numa arca congeladora, onde o assassino a tinha colocado um ano atrás.

Partilhar no Facebook
1,441 1.4k Partilhas

Fonte: CM · Crédito foto: CM