Mulher morre depois de consumir ostras com bactérias que a devoraram por dentro

Nem toda a gente gosta do mesmo tipo de refeições, mas uma coisa é certa: toda a gente adora comer.

Partilhar no Facebook
312 312 Partilhas

Jeanette Le Blanctinha 55 anos e vivia em Louisiana, nos Estados Unidos. Mas após ir ao mercado para comprar a sua comida favorita, resolveu comer uma ou duas ostras por lá, antes de voltar para casa.

Quando chegou em casaem setembro de 2017 sua amiga Karen Bowers conta queJeanette comeu mais dezenas de ostras cruas. Mas após a refeição, ela começou a se sentir mal.  

Infelizmente ela não achou que era grave, mas alguns dias depois teve que ser levada para o hospital.

O diagnóstico era para a contaminação pela bactéria Vibrião, muito agressiva que devora a nossa carne. Uma pessoa pode ser infetada com essa bactéria depois de comer alimentos crus ou pouco cozidos. 

Foram 21 dias de luta no hospital. Mas no dia 15 de outubro de 2017 ela não resistiu e morreu.

Pouco depois da sua morte, os médicos descobriram que as ostras estavam mesmo infetadas com essa bactéria e acabaram por devorar o corpo da mulher. Agora, familiares e amigos estão angariando fundos para iniciar uma campanha para sensibilizar sobre os riscos dessa bactéria mortal. Se soubessem disso antes, eles Depois de sua morte os familiares começaram a divulgar o ocorrido para alertar outras pessoas sobre essa bactéria mortal.

Conte para a sua família e compartilhe com seus amigos para que isso não venha a acontecer com alguém que você ama!

Partilhar no Facebook
312 312 Partilhas

Fonte: historiascomvalor · Crédito foto: historiascomvalor