O pesadelo continua... Rodrigo o bebé sem rosto é surdo

Pais esperam por um milagre, mas o pesadelo continua

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

O pesadelo dos pais de Rodrigo continua. Depois do menino ser submetido a novos exames foi detectado que ele não ouvia.

O menino nasceu sem parte do crânio, sem nariz e olhos, os pais continuam a ter espereça, o menino continua vivo e já não precisa de sonda para se alimentar, mas um novo pesadelo surge, ao ser detetada surdez ao bebé.

Outros artigos relacionados com o tema:

Rodrigo nasceu sem olhos, nariz e parte do crânio. Médico não se apercebeu

Um bebé nasceu sem olhos, nariz e parte do crânio no dia 7 de Outubro no hospital de São Bernardo, em Setúbal. A mãe realizou três ecografias numa clinica privada e nunca foi reportada qualquer formação do feto. 

"O acompanhamento da gravidez desta utente não foi efetuado no Centro Hospitalar de Setúbal (CHS). Os meios complementares de diagnóstico e terapêutica também não foram realizados no CHS", informou o centro, que integra o Hospital São Bernardo, numa nota divulgada esta quinta-feira.

"Apenas o parto da utente decorreu no CHS, tendo sido no momento detetada a situação", acrescentou o CHS, salientando que, desde o nascimento, "a criança e a família têm sido acompanhadas no Serviço de Pediatria com o apoio da Equipa Intra-Hospitalar de Suporte em Cuidados Paliativos Pediátricos do Centro Hospitalar de Setúbal".

Só num exame feito noutra clínica, uma ecografia 5D, os pais foram avisados para a possibilidade de haver malformações. Questionaram o médico que os seguia, que lhes garantiu que estava tudo bem, conta a madrinha do bebé.

O bebé, completa hoje 10 dias, apesar de o prognóstico inicial lhe dar apenas algumas horas de vida.

Segundo outras fontes hospitalares, o obstetra Artur Carvalho, que alegadamente não detetou malformações graves no bebé, trabalha no Centro Hospitalar de Setúbal, mas também exerce numa clínica privada muito próxima do hospital onde fez o acompanhamento da gravidez a título particular.

Fonte oficial da Ordem dos Médicos disse à agência Lusa que o médico Artur Carvalho tem quatro processos em curso no conselho disciplinar da Ordem dos Médicos.

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Fonte: www.flash.pt · Crédito foto: www.flash.pt