Notícias : Serial killer descobre que foi condenado à morte, a sua reação é de gelar o sangue.
Que acha? Deixe o seu comentário aqui.  

Serial killer descobre que foi condenado à morte, a sua reação é de gelar o sangue.

Arrepiante!

Publicado por Vamos lá Portugal em Notícias
Partilhar no Facebook
65 65 Partilhas

Nikko Jenkins é um serial killer de 30 anos preso por matar quatro pessoas nos estados de Omaha e Nebraska em 2013. Psicopata, obviamente, o homem também cortou o próprio pénis e tatuou 666 no crânio.

O assassino queria usar o argumento de loucura para uma sentença menos pesada de prisão. No entanto, vários psiquiatras indicam que o homem fingia ser louco para sair cedo da prisão.

Depois de servir uma sentença de prisão de 10 anos em 2013 por roubo de carro e assalto, Nikko Jenkins matou 4 pessoas logo após a sua libertação. Entre elas, Andrea Kruger, uma mulher que chegva a a casa do trabalho w que Nikko Jenkins baleou 4 vezes antes de lhe roubar o carro.

O juiz disse que "todos os ataques foram deliberados" e "estes estão entre os assassinatos mais violentos que já ocorreram no estado de Nebraska."

Nikko Jenkins foi condenado à morte pelo juiz Peter Bataillon. Isso marca a primeira sentença de morte no Estado de Nebraska desde há 20 anos, mas o mais preocupante de tudo isto foi a reação que ele teve quando soube que foi condenado. Na verdade, ele não teve qualquer reação e permaneceu impassível, como se nada tivesse acontecido. 

Aqui está um vídeo onde você ver a sua reação:

Partilhar no Facebook
65 65 Partilhas

Fonte: Ayoye
Crêdito foto: Ayoye

Goste/partilhe