Uma menina de 6 anos é violada, drogada e forçada a tomar banho com a mãe, padrasto e swingers.

Todos os detalhes no interior.

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

É uma verdadeira história de horror o que esta menina de seis anos viveu. Segundo os jornais locais, esta seria uma das piores histórias já ouvidas na Austrália.

Tudo começou quando Tracey Coulter, um homem de 51 anos, conheceu a mãe da vítima e o padrasto numa festa. O grupo então abusou da menina de 2012 a 2013, quando ela tinha entre 6 e 7 anos de idade.

A menina foi forçada a assistir a vídeos pornográficos, a fumar metanfetamina e a tomar banho com adultos. Ela também foi violada pelo grupo e por outro homem em várias ocasiões. Algumas violações foram até mesmo filmadas por esses depravados.

Uma das violações ocorreu no sétimo aniversário da menina durante uma "festa surpresa" organizada pelo padrasto da criança.

Tracey Coulter foi preso e condenado a 21 anos de prisão pelos seus crimes.

O juiz Bruce Goetze ficou indignado com a história, alegando no tribunal na sexta-feira que esta foi uma das piores histórias que ele viu em toda a sua carreira.

"Atos perversos e depravados foram infligidos a uma criança pequena ... [você agiu] com perversão e certa deformação do desejo, assim como com luxúria carnal", disse ele.

"É indefensável, depravado e desprezível", acrescentou o juiz Goetze.

Esta história veio à tona depois de um membro da comunidade encontrar uma pen USB contendo vídeos da violação da menina numa residência de aluguer de curto prazo. Essa pessoa deu a pen USB à polícia, que então lançou uma extensa investigação.

É difícil imaginar tudo que essa menina sofreu. Vamos esperar agora que ela possa reconstruir a sua vida e ser feliz.

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Fonte: Ayoye · Crédito foto: Ayoye